Política de Inserção de Dependentes

Podem ser inscritos no plano como Beneficiários Dependentes, mediante a comprovação das qualidades abaixo indicadas e da dependência econômica em relação ao Titular:

o (a) cônjuge;
o (a) companheiro (a), havendo união estável na forma da lei, devidamente comprovada, sem concorrência com o cônjuge, salvo por decisão judicial;
os (as) filhos (as) e enteados devidamente comprovada;
os (as) menores que, por determinação judicial, se encontrem sob a guarda e responsabilidade do BENEFICIÁRIO TITULAR ou sob sua tutela;
Dependentes DIRETOS DO BENEFICIÁRIO TITULAR, limitados ao primeiro grau consanguíneo (mãe e pai);
Dependentes DIRETOS DO BENEFICIÁRIO TITULAR, limitados ao segundo grau consanguíneo (avós, irmãos e netos);
Dependentes DIRETOS DO BENEFICIÁRIO TITULAR, limitados ao terceiro grau consanguíneo (bisavós, bisnetos, sobrinhos e tios).

Pular para o conteúdo